153. No Princípio

 
Esta música foi concebida para o momento litúrgico do “Convite ao Culto”. Trata-se de um solilóquio proferido pela Sabedoria de Provérbios ou pelo Verbo de João. Resultado, uma “música falada”, na qual o Verbo nos conta como foi no princípio. A declamação é do  Rev. Ricardo Barbosa de Sousa. O texto é construído a partir de Jo 1:1-14 e Pv 8:25-35, na Bíblia na Linguagem de Hoje (BNLH).
Letra: Rubem Amorese
Música: Toninho Zemuner
Intérprete: Ricardo Barbosa

Produção e participações
Produção: Toninho Zemuner


 OUÇA/BAIXE            

  CIFRA

  playback 

153.No_Principio_files/No_Principio.mp3153.No_Principio_files/No_Principio.pdf153.No_Principio_files/No_Principio-PB.mp3

Sobre esta música

Eu existia antes das montanhas, antes de os morros serem colocados nos seus lugares, antes de Deus ter feito a terra e os seus campos ou mesmo o primeiro punhado de terra. Estava lá quando ele pôs as nuvens no céu e abriu as fontes do mar, e quando ordenou às águas que não subissem além do que ele havia permitido. Eu estava lá quando ele colocou os alicerces da Terra.


No princípio, eu estava com Deus. Por meu intermédio, Deus fez todas as coisas, e nada do que existe foi feito sem mim. Eu estava lá quando ele colocou o céu no seu lugar e estendeu o horizonte sobre o oceano. Estava ao seu lado como arquiteto e era a sua fonte diária de alegria, sempre feliz na sua presença — feliz com o mundo e contente com a raça humana.


Agora, moços, escutem! Façam o que eu digo e serão felizes. Aprendam o que é ensinado a vocês. Sejam sábios; não abandonem esses ensinamentos. Aquele que me ouve será feliz: aquele que fica todos os dias na minha porta, esperando na entrada da minha casa. Pois quem me encontra encontra a vida, e o SENHOR Deus ficará contente com ele.


No princípio, eu estava com Deus. E desde então, tenho pedido ao Pai: "aqueles que me deste estejam comigo onde eu estiver; pois me amaste antes da criação do mundo. E eu também os tenho amado, e lhes tenho ensinado a tua palavra, para que o amor que tens por mim esteja neles e para que eu também esteja unido com eles". E todos sejam um, como foi conosco, antes da fundação do mundo.