148. Nossas Mãos

 
Este cântico surgiu com a música primeiro. Outro detalhe, Toninho participou da produção da letra. Ele tinha alguns sentimentos em relação à música que tinha feito, e quis trazê-los para a letra. Eu cuidei de colocá-los em palavras, agregando também minhas ideias. É uma música para ser cantada com separação entre homens e mulheres, no momento do coro. Nossos agradecimentos ao Montanha, pela interpretação primorosa, e também aos vocais, que dão todo o clima congregacional.
Letra: Rubem Amorese
Música: Toninho Zemuner
Intérprete: Montanha

Produção e participações
Produção: Toninho Zemuner
Participações: Ana Amorese, Cláudia Conceição, Toninho Zemuner e Valter Sales


 OUÇA/BAIXE            

  CIFRA

  playback 

  garagem


 VÍDEO148.NossasMaos_files/NossasMaos.mp3148.NossasMaos_files/NossasMaos.pdf148.NossasMaos_files/NossasMaos-PB.mp3148.NossasMaos_files/NossasMaos-G.mp3http://www.youtube.com/watch?v=5ZrwkbreVao

Sobre esta música

Recebe, ó Deus redentor,

O louvor que trazemos em nossas mãos.

Mãos que, com gestos de amor,

Vêm buscar em tuas mãos graça e salvação.


São mãos resgatadas

Que oferecem louvores

E graças ao seu Salvador;


São mãos transformadas

Que, sem medo ou temores,

Se alegram no seu Criador.


Santo (levantamos a ti nossas mãos);

Digno (é o Cordeiro que nos faz irmãos);

Pois santo é o teu Filho e mui digno de adoração.


Santo (te rendemos a glória e o louvor)

Digno (nossas mãos levantamos, Senhor)

Pois santo é o teu Filho e mui digno do nosso amor.


(na segunda vez)

Pois santo é o teu Filho e mui digno do nosso amor.

Pois santo e bendito é o teu Filho, pra sempre.


Vem, Pai, lavar, com perdão,

Estas mãos que te erguemos, em oração.