124. Ouve o Que eu Digo

 
Esta música fala de palavras que não dizem nada. Aquelas palavras sim que não são sim; aqueles nãos que não são não. 
Pior, aqui eu me refiro àquelas palavras que não são nada, porque não vêm da intenção de dizer. Mas que pensam que, pelo muito repetir, um dia significarão alguma coisa.
Finalmente, eu canto também uma forma de expressão que dispensa palavras enquanto diz tudo. Isso é possível na adoração verdadeira.
Autor Letra: Rubem Amorese
Autor Música: Rubem Amorese
Intérprete: Toninho Zemuner

Produção e participações
Produção: Toninho Zemuner

 OUÇA/BAIXE            

  cifra

  playback

124.OuveOQueDigo_files/OuveOQueDigo.mp3124.OuveOQueDigo_files/OuveOQueDigo.pdf124.OuveOQueDigo_files/OuveOQueDigoPB.mp3

Sobre esta música

Se o falar pode dizer,

Tem dizer que é sem falar.

Não se diz que o boquirroto

Fala em vão, como um garoto,

Coisas fáceis, sem pensar?


Mas se eu falo é pra dizer

Do prazer de te louvar.

Em meu barco és meu piloto,

E contigo enfrento o mar.


Se eu falar sem te dizer;

Sem prazer eu te cantar,

Não serei como o garoto?

Não serei planta sem broto;

Nau sem leme, em pleno mar?


Mas se eu falo é pra dizer

........................................


Ó Senhor, eis meu dizer,

Pois não ligo pro falar.

Mas se venho bendizer-te,

Cantarei o meu prazer de

Te trazer o meu cantar.


Mas se eu falo é pra dizer

........................................

Sim, contigo enfrento o mar.